segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Diana Palmer - Fora da Lei

  
Título Original: Lawless
Protagonistas: Judd Dunn e Christabel "Crissy" Gaines
     Grandes Autores 1

Série Homens do Texas 28


Cinco anos atrás, Judd Dunn, um patrulheiro do Texas, colocou o pai de Christabel Gaines atrás das grades. Mas a presença de Judd na vida de Christabel estava longe de terminar. Eles se casam apenas no cartório, jurando salvar o rancho que pertence aos dois e ignorar a grande atração que existe entre eles.

Quando Judd enfim decide libertá-la de um compromisso fadado ao fracasso, é perseguido por um inimigo sedento de sangue que resolve atingi-lo em seu ponto fraco: sua esposa. Não mais uma menina inocente, Christabel é uma mulher inteligente e destemida com desejos insatisfeitos. E fará qualquer coisa em nome do amor… até mesmo ser baleada no lugar de seu marido.

Com suas vidas em jogo, Christabel e Judd precisam enfrentar novos rivais e os desejos mais profundos… armadilhas de um destino do qual não podem fugir.

Fora da Lei é um romance hipnótico, cheio de tensão dramática e personagens fascinantes, que prende a atenção do leitor até o seu desfecho surpreendente.


Antes de mais nada, alguns fatos:
  • A história deste livro é diretamente ligada ao livro Nas Mãos Do Destino, Homens do Texas 25/Irmãos Hart 5. Elas são simultâneas. A trama que acontece aqui, começou lá;
  • O trisavô de Judd, Jared Dunn, que é citado aqui como um ex Texas Ranger e posteriormente um famoso advogado de San Antonio nos princípios do século vinte também tem seu próprio livro. Sua história está no romance histórico “Noelle”;
Outros personagens de Diana Palmer que aparecem por aqui:
    Marc Brannon e Josette Langley: A Última Chance (Série Hutton 04);
     Eb Scott: Aventura Ardente (Série Soldados da Fortuna 04);
     Cy Parks: Uma Mulher Para Amar (Série Soldados da Fortuna 5);
     Abby e Calhoun Ballenger: O Gosto Do Pecado (Série Homens do Texas 01);
     Ted Regan Adeus ao Amor (Série Homens do Texas 11);
     Lou e Jebediah Coltrain: Primavera de Amor (Série Homens do Texas 14);
     Dorie e Corrigan Hart: Coração Desafiado (Série Homens do Texas 17);
     Leslie e Matt Caldwell: Entregando o Coração (Série Homens do Texas 22);
     Meredith e Rey Hart: Feitiço do Amor (Série Homens do Texas 24);
     Leo Hart e Janie Brewster: Nas Mãos do Destino (Série Homens do Texas 25);
    Tippy Moore e Cash GrierRenegado (Série Homens do Texas 29);
    Harley Fowler e Alice JonesRebelde (Série Homens do Texas 42);
     Hayes Carson: Protetor (Série Homens do Texas 48);
    Além dos irmãos Tremayne.

Casados no papel há 5 anos, Judd e Crissy esperavam apenas pelo 21º aniversário dela, o que aconteceria dali a um mês, para assinarem a anulação do matrimônio. Mas Crissy sempre fora apaixonada por esse lindo Texas Ranger, e acalentava secretamente a esperança de que um dia ele a olharia não mais como a menina que conhecera desde sempre, mas sim como a mulher apaixonada que ela era. Porém Crissy viu suas esperanças desaparecerem no momento em que uma equipe de cinema se mudou para sua fazenda pra filmar um filme com a modelo internacionalmente famosa Tippy Moore. A ruiva era o sonho de consumo de qualquer homem, e pelo visto, encantara até mesmo o coração de Judd. Ele nem parecia se lembrar mais que era casado (apesar de apenas no papel), e sempre andava em companhia da modelo, que não escondia seu interesse por ele e não perdia uma chance de provocar a jovem Crissy.

Judd Dunn sempre procurou manter distância de sua jovem esposa. Afinal, ele apenas se casou com ela para protegê-la. Ela era muito jovem e inocente, e ele não achava justo se aproveitar da paixão que Crissy nutria por ele. Contudo, sentimentos contraditórios sempre o assolaram, mas traumas do passado o deixaram arredio quando o assunto era relacionamento. Ele não queria ligações mais fortes com nenhuma mulher, prezava sua liberdade. E quanto a bela modelo que sempre era vista em sua companhia desde que fora filmar um filme em Jacobsville??? Nem tudo é o que parece, e eles têm um bom (???) motivo para agirem assim. Judd apenas não podia contar a ninguém, nem mesmo para sua esposa...

Cansada de toda essa situação, Crissy encontrou um apoio e um aliado em Cash Grier, um homem da lei com um passado sombrio e misterioso, mas que se encantou por ela de verdade. Desde então, Judd quase não conseguia controlar o ciúme que sentia de Crissy e Cash, e começou a perceber que o que mais desejava era que seu casamento de conveniência se tornasse de fato um casamento de verdade. Mas perigos assolam suas vidas, quando um homem cruel passa a persegui-los e assassinatos começam a acontecer ao seu redor. Judd agora está disposto a tudo para proteger a mulher a quem nunca antes se permitiu amar, e reconquistar de vez seu coração. Mas para ambas as situações, talvez fosse tarde demais...

Gente, tenho uma ligação especial com esse livro. É que "Fora da Lei" foi nada mais, nada menos que o PRIMEIRO livro de Diana Palmer que eu li!!! Nunca nem sequer tinha ouvido falar dela antes, não sabia desses homens do Texas, muito menos conhecia esse mundo criado por ela — e todas as conexões entre os seus livros.

Na primeira vez que li esse livro nem atentei para o detalhe em relação a quantidade de outros protagonistas dela que apareceram durante o livro (como eu disse, não sabia nada sobre Diana Palmer até então). Mas durante a leitura tive a impressão de que tinha lido um resumo de um outro livro dela que tinha os personagens Cash e Tippy (que depois descobri serem os protagonistas do livro seguinte da série, Renegado), e lááá no final também tive a certeza de que decididamente já tinha visto resumos sobre os irmãos Hart. Pesquisei um pouquinho e não demorei a descobrir sobre os Homens do Texas. A partir daí começou o meu vício. Isso foi em 2008, e de lá pra cá meu amor pelos livros dela só fez crescer.

Relendo esse livro depois de ter começado a ler a série deeeesde o primeiro livro (e com o conhecimento de Diana Palmer que agora eu tenho), pude ter uma nova percepção da história. Na primeira vez que li, não consegui gostar do Cash porque aqui ele era o "outro" da história. Também não tinha ido com a cara da Tippy, pois a achei muito vagaba, egoísta e superficial. Depois de reler, simplesmente me apaixonei pelo Cash. Bem feito pro Judd, quem mandou se comportar como um idiota?! Tinha que ter mesmo alguém pra levantar o moral da Crissy. E quanto a Tippy??? Bom.... ao final da leitura eu ainda não ia muito com a cara dela (é... tem coisas que nunca mudam, rs...). O passado dela não justificava todas as suas desprezíveis atitudes (a do anel de esmeraldas e o "terrorismo" com a Crissy, por exemplo). Depois só porque ela tirou o casaquinho caro pra ajudar a Crissy ela virou uma santa?! Ahã, tá, sei... Até então minha impressão dela era a seguinte: boa parte de "Fora da Lei" ela foi uma sem vergonha desprezível, completamente fora dos padrões de mocinha-a-la-Diana-Palmer e no final pareceu sofrer uma mudança de personalidade, que fica ainda mais acentuada em Renegado. Não parece a mesma chata-enjoada do início de "Fora da Lei". Claro, agora eu já terminei de ler o livro dela, Renegado, e querem saber??? Mudei totalmente a minha opinião sobre Tippy. Alguns comportamentos dela em "Fora da Lei" ainda não tem justificativa (Anel de esmeraldas... Anel de esmeraldas... Anel de esmeraldas...), mas passei a gostar (e muito) dela. Quem diria... me surpreendeu!!!

Maaaaas a resenha em questão é sobre Judd e Crissy, e eu acabei me empolgando com os próximos personagens da série (Desculpem por isso. Ainda estou sob efeito "Renegado". Apaixonada!!!). Minhas impressões sobre "Fora da Lei"? Judd é lindo, um sonho de consumo, mas se comportou como um idiota. Eita homem pra pisar feio na bola, viu?? Desde o aniversário de Crissy, passando pelo anel de esmeralda, e culminando naquela cena do celeiro (aqueeela que a Crissy acabou vendo), o cara foi uma anta em certos momentos. Ainda bem que tinha o Cash pra salvar a pátria, e equilibrar o universo.

Contudo, mesmo com as mancadas de Judd, eu adoreeeeei o livro. E adorei o Judd também. Já falei antes: eu meio que perco a coerência quando se trata dos livros de Diana Palmer... (não liga não, rs...) O que posso dizer em minha defesa é que o legal de quando um mocinho DE DIANA PALMER pisa na bola é a maneira de sua redenção. Não sei bem explicar, mas adoro o jeito que a titia Palmeirão escreve. Fico eufórica toda vez que pego um livro dela pra ler. E fanatismo meu à parte, "Fora da Lei" é realmente um ótimo livro. Tem uma história ótima, com um desenrolar muito atraente. Eu não reli, eu devorei o livro, rs... Ele é assim: te prende do início ao fim!!!

Suuuuper recomendado!!!!

E para saber mais sobre a série "Homens do Texas" e os livros/séries conectados à ela, bem como a ordem de leitura de todos elesclique aqui.


Série Homens do Texas:


Relação atualizada dos livros da série nesse link aqui.


Capa Original:


*** Suelen Mattos ***
http://lh6.ggpht.com/_2WNpNdgUeb0/TUTUNd_cnxI/AAAAAAAAAyM/ce90pMbLYvc/separador.gif

22 comentários :

  1. Eu realmente adoro esse livro e um dos meus preferidos da DP. O Judd e uma delicia e Cash e simplesmente tdb. Depois desse fui correndo ler o Renegado.

    ResponderExcluir
  2. Meo, Judd é um jumento, mas eu adoooooooooooro!
    Tb não gostei muito do Cash e da Tippy no livro, mas ao contrário do que vc escreveu, eu entendi a Tippy e o anel de esmeraldas... Afinal, ela não sabia que ele era casado e o intuito dela era usar o Judd como um espanta-retardado-diretor-de-filme. Ele que foi idiota de comprar e esquecer o niver da Crissy... Mas vamos lá, ele se redimiu... Imagino a cena da maquina de lavar roupa... Ai, papai! Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Eu também adorei este livro! Eu chorei em muitas das cenas e senti raiva em outras. Já li esta história montes de vezes.
    Continuo a dizer que a DP é a melhor escritora de sempre e obrigada Suelen por todos os livros, resumos, etc. que nos dás dela.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  4. Judd é um retardado de marca MAIOR!
    Sim, concordo plenamente com isso!
    Mas mesmo assim amei a história(kkkkkkk)
    Afinal pra mim Diana sempre é bom( não sei o que acontece comigo) kkkkkkkkkkkk.
    E a Cris bem que dá o troco nele com o Cash, pena a boba não ter aproveitado mais!
    kkkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Oie Suelen

    Tem um selinho pra vc no meu blog.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Bem...se um mocinho da DP não fizer uma asnice...não é DP...rs
    Uns fazem mais outros menos...eu tive vontade de bater no Judd, comprar um anel de esmeraldas p/praticamente uma estranha e esquecer o aniversário da "esposa"...ah...tá loco...

    ResponderExcluir
  7. Também não engoli essa do anel.... e realmente, esquecer o niver da esposa foi o ó-do-borogodó, rs....

    ResponderExcluir
  8. Amo o Judd e o Cash, até torci um pouco pelo Cash, mas no fim torci pelo Judd mesmo! Odeio a Tippy, não consegui ler renegado por causa dela! Christabell é minha mocinha favorita ao lado da Cecily(rosa de papel)!

    ResponderExcluir
  9. Oi Amara. Eu tb ñ ia muito com a cara da Tippy não, mas li "Renegado". E adoreeei!!! Dá uma chance pro livro, que vc vai gostar. E se gostou do Cash em "Fora da Lei", imagina como ele ñ está em seu próprio livro??? Ma-ra-vi-lho-so!!!!

    ResponderExcluir
  10. Oie Suelen!! Que legal seu blog, eu entrei aqui procurando informações sobre DP, li esta resenha e deparei com a seguinte frase: "eu meio que perco a coerência quando se trata dos livros de Diana Palmer..." e te reconheci na hora da comunidade AR do orkut!! rsrs
    Confesso que ainda não li o livro do Cash, mas estou cada vez mais tentada! rs
    Mas falando do Judd.. eu realmente acho que ele de mocinho não é lá essas coisas.. eu já estava torcendo para a Christabel ficar com o Cash e dar um pé no "mocinho" . Bom, vou dar mais uma olhadinha no blog!! Bjusss!! ;**

    ResponderExcluir
  11. kkkkkkk Fã...nática louca, sou eu mesma, hehe!!!

    Fica à vontade, pode olhar tudinho, hehe. Bem vinda, a casa é toda nossa!!!

    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  12. Na boa, a Tippy é imperdoável. Estou nem aí para a história trágica dela, ela é uma vadia, uma rapariga nojenta nesse livro. É imperdoável que logo ela fique com o personagem mais perfeito da diana Palmer.

    ResponderExcluir
  13. Na boa, a Tippy é imperdoável. Estou nem aí para a história trágica dela, ela é uma vadia, uma rapariga nojenta nesse livro. É imperdoável que logo ela fique com o personagem mais perfeito da diana Palmer.

    ResponderExcluir
  14. kkkkkkk, ela foi um nojo mesmo nesse livro, Totalmente anti-heroína-diana-palmeriana, :o
    Mas vc já leu RENEGADO??? A Tippy parece outra pessoa. Não parece a mesma mesquinha que fez a Christabel sofrer aki.... :j

    ResponderExcluir
  15. Como o Judd é tapado, da vontade de bater nele!!! Depois do q ele fez, ficar babando pela Tippy, comprar um anel sem ter nem onde cair morto, acho que não conseguiria perdoar não!!! Se eu fosse a Cristabel tinha largado ele e ficado com o tudo de bom do Cash... Meu, o cara é TU-DO... É lindo, sexy, sabe lutar, atira super bem, é rico, culto, trata ela super bem desde o começo, quer se casar com ela e assumir o filho que não é dele, dá várias patadas na vagaba da Tippy quando ela trata mal a Crissy e, ainda por cima, dança que é uma beleza!!! Meu, eu casava com ele na hora!!! hahaha

    ResponderExcluir
  16. Acredita que eu não fui com a cara do Cash qndo li o livro pela primeira vez? Mas eu ainda não sabia como funcionavam as coisas com a titia Palmeirão. Já na 2ª vez que li, beeeem depois, eu torci pelo Cash, hehe! ele é demais mesmo!!!!!! :s

    ResponderExcluir
  17. Realmente o Judd é um imbecil como mocinho...
    Ele foi um dos mocinhos que mais se arrependeu do que fez pra mocinha é tudo ia muito bem na história quando me deparo com a cena do celeiro: Oi? Não consigo me conformar, até hoje quando me lembro disso me dói! Beijar a Tippy?Depois de tudo o que ele passou no hospital pensando que a Crissy morreria e ele não teria oportunidade de dir que a amava? E Depois viajou com ela e fez uma filho e ainda assim não falou que a amava? E muiiiito limitado o coitado! Ela deveria ter casado com o Cash Grier! Mas aquele beijo... E não me conformo! Nunca! Não cola entendeu!Foi uma traição ! Pronto falei.


    ResponderExcluir
  18. Essa cena do celeiro tb não me desce. Eita vontade de socar esse homem.... :i

    ResponderExcluir
  19. Na verdade comecei a ler os livros de Diana Palmer em 2017, sem saber da série, não me recordo com qual livro comecei, depois descobri através de seu blog que tinha uma ordem, estou relendo tudo, mas ODIEI de verdade a Tippy, li o livro Renegado e continuo a detestá-la, acho que a tal mudança dela foi superficial para merecer um livro, e também acho que ela não merecia ficar com o Cash, com certeza ele merecia uma pessoa melhor. No caso do Judd ele de fato foi um IMBECIL de marca maior, mas o pior é que eu gosto da pegada dele. Fazer o que?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse aí foi meu primeiro e eu odiei a Tippy e não fui com a cara de Cash, rsrs... Mas depois mudei de opinião. É o efeito titia Palmeirão: a gente ama odiar e odeia amar, kkkkkkkk

      Excluir
  20. Sou team Crissy e Cash eternamente!!!!! Para mim Judd é bum idiota sem graça... kkkk (E o antepassado dele, Jared, é tão forte e dominador, sabe o que quer dá vida e pisa na bola por causa de um mal entendido muito compreensível... Adorei Noelle! Kkk) Já li Renegados, amo Cash e não gosto da Tippy. Kkk Vou reler esse livro para continuar com a minha saga de leitura Homens do Texas... Mas vou focar no Cash, pois Judd não é meu tipo kkk


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Judd é um idiota, kkkk. Eu costumava brincar na época do Orkut chamando-o de Judd...mento, kkkkkk

      Excluir

E aí, o que acharam??? Comentem!!! Adoro ler as opiniões de vocês!!!!

:a     :b     :c     :d     :e     :f     :g     :h     :i     :j     :k     :l     :m     :n     :o     :p     :q     :r     :s     :t     :u

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivos Romantic Girl

Postagens Populares

Rolando No Romantic Girl:

Em Breve!!!
 


Suelen Mattos Romantic Girl | Designed by: Shop Like a Woman , TNB | Distributed by Deluxe Templates