terça-feira, 19 de junho de 2018

Abby Green - Uma Dança Para Dois

Título Original: Awakened By Her Desert Captor
Protagonistas: 
Sylvie Devereux e Arkim Al-Sahid
Paixão 477

Sedução no deserto...

A dançarina de cabaré Sylvie Devereux e o sheik Arkim Al-Sahid jamais se deram bem. Nem mesmo o beijo inebriante que compartilharam conseguiu mudar esse sentimento. A antipatia aumenta quando Sylvie impede o casamento de conveniência entre sua adorada irmã e o poderoso Arkim. Agora, ele está decidido a se vingar da bela sedutora que maculara sua impecável reputação. Ao atrair Sylvie para seu luxuoso palácio no deserto, Arkim fará o que for necessário para tirá-la de seu sistema. E ficará surpreso com o segredo que Sylvie esconde.


Desde a primeira vez que Sylvie Devereux e Arkim Al-Sahid se viram, foi ódio à primeira vista. E desejo. E talvez algo mais. Contudo, por motivos de negócios, Arkim estava prestes a se casar com a irmã caçula de Sylvie e tudo o que ela queria era impedir esse casamento de conveniência, pois sabia que sua irmã merecia alguém melhor do que aquele sheik cínico e arrogante. E ela conseguiu, com uma pequena mentira contada bem no meio da cerimônia. Entretanto, isso só serviu para aumentar a fúria de Arkim e reforçar a péssima impressão que ele tinha a respeito do caráter e moral dela. Agora ele queria vingança, e isso envolvia Sylvie e o palácio dele no deserto. Mas o que ele faria quando descobrisse que ela era inocente — em todos os sentidos?

Eu comecei a leitura com muita expectativa, pois amo histórias com sheiks e mocinhas inocentes. Mas confesso que acabei me decepcionando. Sylvie, à princípio, nos é apresentada como uma mulher segura, independente, cheia de opinião e atitude, que não se deixa intimidar. Mas é só o mocinho entrar em cena para ela virar uma poça de hormônios e esquecer todas as suas resoluções, sem nem ao menos conseguir ter um pensamento coerente sequer. Fica até difícil acompanhar qualquer desenrolar da história, pois quando estão separados eles só pensam no quanto se odeiam, e quando estão juntos só conseguem pensar em despirem um ao outro. Sério, é só um aparecer pro outro perder a linha de raciocínio. Ela o vê comendo com as mãos e só pensa em como seria ter aquelas mãos em seu corpo. Ela o vê bebendo qualquer coisas e já sente um rio correndo entre as pernas. Sério?! Uma vez ou outra ainda dá pra engolir. Mas ver isso o tempo todo, do começo ao final do livro, foi bem irritante. Sem falar do vai e vem do casal, do morde e assopra, do eu te quero e não te quero. Isso se arrastou do começo até o último capítulo do livro. E não vou nem começar a falar da arrogância de Arkim de olhar pra Sylvie e resolver que a teria para si, nem da falta de força de vontade dela em colocá-lo em seu devido lugar e fazer valer todos os princípios que ela tão orgulhosamente dizia ter. Me diz quem aguenta uma coisa dessas?

Não é que a história tenha sido ruim. Teve até uns trechos que dava pra curtir. E eu li super rápido, porque estava doida pra ver como o mocinho ia reagir quando descobrisse que a mocinha não era nada daquilo que ele pensava. Quando eles baixavam a guarda e agiam como um casal de verdade, até que a coisa ficava boa. Mas esses momentos foram tão raros, que nem deu pra curtir muito, não. O livro tinha tudo pra ser ótimo, mas no final das contas acabou ficando entre razoável e bonzinho. Uma pena!


OBS: No livro é falado sobre o sultão Sadiq e rainha Samia. A história deles é contada no livro "Escolha do Sultão" (primeira história do livro "Senhoras do Desejo" - Jessica 165)


Capa Original:


*** Suelen Mattos ***
http://lh6.ggpht.com/_2WNpNdgUeb0/TUTUNd_cnxI/AAAAAAAAAyM/ce90pMbLYvc/separador.gif

22 comentários :

  1. Oi Su! Gente! Como fico frustrada com mocinhas que se deixam levar pelos mocinhos e perdem toda a força. Eu li um romance estes dias que aconteceu isso e foi uma decepção. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? E pro meu azar, acabei de ler outro livro assim... :i

      Excluir
  2. Oi Suelen. Tudo bem? Eu não sou fã desses romances com Sheiks, geralmente são chatinhos. Aparece la no ´wattpad. Tenho 2 livros. Você poderia ler e fazer resenha? www.wattpad.com/user/CaSant

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto de sheiks. Na verdade, amo, hehe. Mas esse aí não agradou não. :i

      Depois vou lá dar uma olhadinha. :d

      Excluir
  3. Bacana, não conhecia, vou anotar essa dica!

    roomofasickboy.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi tão legal quanto poderia ter sido, mas quem sabe vc gosta, né?! :j

      Excluir
  4. Oi Suelen.
    Esse eu não conhecia e depois de ler suas considerações sobre a história, tenho certeza que não vou gostar. Uma pena quando isso acontece.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Suelen,
    Eu amo esses livros da Harlequin, uma pena que só existirão em ebook agora, né?
    Menina, se bobear, minha mãe tem ele aqui, vou procurar na estante dela, rs.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, nem me fala! Mas antes em e-book do que nada, né?!

      Excluir
  6. Boa noitee! Tudo bem?
    Lembro que quando eu era criança via minha mãe sempre lendo livros dessa mesma capa rsrs Será que é o mesmo!?
    Tô voltando das férias bem animada com o blog e tem post novo sobre a minha viajem lá.
    Muito obrigada pelo seu comentário.
    Volte sempre!

    ~ miiistoquente

    ResponderExcluir
  7. Oi, Su!

    É uma droga quando a autora descontroi totalmente a protagonista quando a coloca perto do "macho alfa". Isso tira toda a graça da personagem, e consequentemente da história, já que lhe falta personalidade. Uma pena isso ter acontecido nesse livro em especial :(

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, nem me fala! E o pior é que isso acontece em vários livros... :f

      Excluir
  8. Su, não é te desanimando, mas sempre acabo com a mesma frustração quando leio um livro da Abby, ela sempre consegue me dar nos nervos com suas protagonistas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, não brinca!!! :e Ainda tenho mais 3 livros dela aqui pra ler...
      Eu li um livro dela antes e gostei. Mas esse aí.... uiii, decepcionou. :f

      Excluir
  9. Oie Su =)

    Eu adoro clichês, mas essa história da mocinha acabar se deixando levar pelo mocinho e com isso perdendo a sua força está ficando por demais cansativo =(

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  10. Oi Su,
    Ah eu super odeeeeeio quando a moça perde personalidade por conta do romance. Parecem robôs, desperta meu ranço eterno hahaha

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb, menina. Pra quê então ficar na pose toda de mulher independente, pra perder toda a característica quando o boy magia aparece? :i

      Excluir
  11. Oi Su, tudo bem?
    É tão decepcionante quando o livro nos vende uma ideia, mas não corresponde, né? :(
    Acho que também ficaria chateada se a mocinha se transformasse totalmente na presença do mocinho. Prefiro personalidades mais estáveis nos personagens.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir

E aí, o que acharam??? Comentem!!! Adoro ler as opiniões de vocês!!!!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t   :u

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivos Romantic Girl

Postagens Populares

Rolando No Romantic Girl:

Em Breve!!!
 


Suelen Mattos Romantic Girl | Designed by: Shop Like a Woman , TNB | Distributed by Deluxe Templates