sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Julia Quinn - Minx

Título Traduzido: Atrevida
Protagonistas: Henrietta Barrett e William Dunford

Série Splendid 3
(também chamada de Série Blydon)


É NECESSÁRIO UMA ATREVIDA PARA TENTAR UM LIBERTINO...

Henrietta Barrett nunca seguiu os padrões da sociedade. Ela administra a remota propriedade de Cornwall de seu velho guardião, usa calças em vez de vestidos e atende pelo improvável nome de Henry. Mas quando seu guardião morre, seu amado lar cai nas mãos de um primo distante.


...E É NECESSÁRIO UM LIBERTINO PARA DOMÁ-LA

William Dunford, o solteiro mais esquivo de Londres, fica surpreso ao saber que herdou uma propriedade, um título... e uma pupila disposta a fazer de sua primeira visita a sua última. Henry está determinada a continuar administrando Stannage Park sem a ajuda do belo novo Lord, mas Dunford está certo de que ele pode mudar as coisas... começando com sua jovem e selvagem pupila. Mas transformar Henry numa dama faz com que ela seja não apenas a sensação da alta sociedade, mas uma irresistível atração para o homem que pensou que nunca poderia ser tentado.


Quando Willian Dunford soube que herdara o título e a propriedade de um primo que ele nem ao menos conhecia, partira imediatamente para Stannage Park a fim de conhecer suas novas terras. Mas ao chegar lá, viu que a vida no interior era muito mais difícil do que pensava... ou pelo menos assim alguém o fizera acreditar.
Quando Henrietta Barrett soube que um primo distante de seu recém falecido tutor viria tomar conta de sua amada propriedade, ela estava disposta a fazer de tudo para garantir que ele odiasse Strannage Park. Nem que para isso fosse necessário que acordassem extremamente cedo, ficassem até o joelho de lama construindo um chiqueiro, reduzissem a quantidade de banhos tomado ou racionassem a comida. Tudo para fazê-lo acreditar que herdar a propriedade não fora um grande negócio. Ela só não contava que o novo Lord fosse alguém tão jovem... ou tão bonito. A verdade é que ela temia ser mandada embora de lá, e por mais que sua consciência a incomodasse, deu seguimento aos seus planos.
Mas eles foram rapidamente por água abaixo no momento em que Dunford e Henry passaram a se conhecer melhor. A toda aquela animosidade se transformou numa bela amizade... ainda que sensações estranhas — nada desagradáveis, por sinal — insistissem em surgir toda vez que estavam perto um do outro. E se um beijo era inevitável, não havia nenhum mal nisso, certo? Até que Dunford descobriu que não herdara somente o título e a propriedade, mas um pupila também: Henrietta. E, de repente, ficar com ela sozinha naquela propriedade não parecia mais o certo a se fazer. Por isso ele a levou para Londres, para que aprendesse a ser uma dama e tivesse a chance de conseguir um bom casamento — embora o pensamento de vê-la com outro homem não o agradasse nem um pouco. Convencer Henry a sair do único lugar em que se sentia segura não fora uma tarefa fácil, mas uma vez em Londres ela desabrochara... e mexera ainda mais com os sentidos de seu novo guardião.
Apesar da reticência de Dunford em ceder ao que obviamente sentiam um pelo outro, Henry estava disposta a ganhar seu coração, de uma vez por todas. Mas quando uma sombra de dúvida é colocada nela sobre as verdadeiras intenções e sentimentos dele, poderia o amor que sentiam um pelo outro ser o suficiente para construir uma nova vida, a dois?

Esse livro começa super leve. E muito engraçado. Você vai lendo e vai se apaixonando pelos personagens, torcendo para que tudo dê logo certo entre eles. Vai revendo Emma e Alexander, Belle e John, e está tudo tão bem que é quase um susto quando a história dá um giro de 180° e todo o drama começa. Meu Deus, eu quase não consegui acreditar na virada que a Julia Quinn deu nos momentos finais do livro. Que isso, Julinha, assim meu coração não aguenta. Não vou dizer em que sentido se dá essa virada para não estragar sua leitura... mas como o meu coração ficou apertado. O livro estava lá, quase acabando, e eu pensando: "meu Deus, isso não vai terminar bem nunquinha!". Esse final me manteve grudada nas últimas páginas, e só larguei quando terminou. E tive que reler o final, pra acalmar meu coração, juro pra vocês. Como você faz uma coisa dessas comigo, Julinha? Quase me dá um treco, rs... Graças a Deus tudo dá certo (alôôôu, isso é um romance), mas que dá uma agonia na gente, ah, isso dá!

Eu falei sobre o nosso mocinho, William Dunford, na resenha de Splendid. Vou colocar aqui novamente o que escrevi, pois acho válido:
Falando no William Dunford, vocês lembram dele? Ele apareceu em "Como Se Casar Com Um Marquês". A Nova Cultural fez uma desgraça tão grande com esse livro que transformaram o William num monstro-quase-estuprador, graças aos cortes e alterações na história. E ele não é nada disso, como podemos comprovar nessa série Splendid. É por isso que odeeeio quando alteram a história original. E nesse caso em particular, deu merda (desculpem aí o palavriado, mas essa foi uma situação que me tirou do sério).
Pois é, fiquei cheia de revolta com tudo o que a NC fez com o Dunford. E eu não fui a única. Na época que resenhei "Como Se Casar Com Um Marquês" comentei que eu havia contado a autora o que fizeram com seu livro por aqui. Se eu fiquei revoltada, imagina ela! Julia Quinn, inclusive, fala sobre isso em seu site. Mas tudo bem. A editora Arqueiro lançará os livros da Julia Quinn aqui no Brasil e realmente espero que caprichem. Afinal, será em formato de livraria, creio eu.

A série Splendid é ótima. É a melhor série da JQ que eu já li até agora (não, ainda não li os Bridgertons). Meu livro favorito da série continua sendo o Dancing at Midnight, pelas razões que expliquei na resenha, mas todos eles são irresistíveis. E não deixem de ler Minx. Se apaixone por Dunford, se divirta com Henry e perca o fôlego com esses dois. Esse eu assino em baixo também!!!


E não deixem de conferir o site da autora para ter acesso aos extras do livro, como curiosidades e trilha sonora. Clique aqui e divirta-se!


Série Splendid (também chamada de Série Blydon):
  1. Splendid - Emma Dunster e Alexander Ridgely
  2. Dancing at Midnight - Arabella Blydon e John Blackwood
  3. Minx - Henrietta Barrett e William Dunford
  4. História De Duas Irmãs (A tale of two sisters - em "Where's My Hero?") - Edward Blydon (Ned) e Charlotte Thornton
*** Suelen Mattos ***
http://lh6.ggpht.com/_2WNpNdgUeb0/TUTUNd_cnxI/AAAAAAAAAyM/ce90pMbLYvc/separador.gif

4 comentários :

  1. Adorei a resenha Suelen!
    Parabéns!
    Fiquei curiosa sobre essa reviravolta, espero começar a ler essa serie com urgência :d

    bjsss

    ResponderExcluir
  2. su vocÊ tem que ler os Brigtons a serie é simplesmente apaixonante!!!! adoro o modo como a julia escreve flui bastante e você se sente automaticamente presa pelos personagens, quando menos se ve voce quer fazer parte da historia pra dar umas bolachas no casal!!! adoro a julia

    ResponderExcluir
  3. Oi Suelen, cada vez mais séries para minha lista sem fim de leitura.
    Bjs, ROse.

    ResponderExcluir
  4. Meninas, leiam sim que vcs vão gostar!!! :q

    Ah, é... eu preciso ler os Bridgertons.... mas só vou ler qndo sair em papel os 2º epílogos, no ano que vem. Quero ler tudo numa tacada só, hehe!!!! :o


    ResponderExcluir

E aí, o que acharam??? Comentem!!! Adoro ler as opiniões de vocês!!!!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t   :u

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivos Romantic Girl

Postagens Populares

Rolando No Romantic Girl:

Em Breve!!!
 


Suelen Mattos Romantic Girl | Designed by: Shop Like a Woman , TNB | Distributed by Deluxe Templates