quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Nina Beaumont - As Duas Vidas de Adrienne

Título Original: Across Time
Protagonistas: Alessandro di Montefiore e Adrienne de Beaufort
Clássicos Históricos Especial 01


Maratona de Banca 2010 - Resenha de Agosto (Viagem No Tempo)



Ao ser levada para o leito nupcial, Adrienne não tinha como fugir: dentro de instantes teria de entregar sua pureza a um estranho!

O Duque Alessandro di Montefiore precisava consumar aquele casamento arranjado. Mas não confiava em sua esposa: Isabella era famosa em Siena tanto por sua beleza quanto por sua maldade! Contudo, na noite de núpcias, quando ela o fitou com um misto de vergonha e desejo em seus olhos ardentes, Alessandro decidiu arriscar a própria vida  pela promessa de alucinantes momentos de paixão...

O destino levara Adrienne de Beaufort em uma viagem através do tempo e a fizera encarnar no corpo de sua ancestral Isabella Pulcinelli - mulher marcada pela perfídia e pela traição. Sua alma, porém, não se alterara, e só Adrienne poderia evitar a tragédia que rondava Alessandro: a morte pelas mãos da cruel Isabella!


Na França de 1794, Adrienne de Beaufort era uma jovem que ajudava os fugitivos a encontrarem abrigo. E nossa história começa justamente assim: ela ajudando a esconder uma mulher e sua criança em seu próprio castelo, num aposento secreto escondido atrás do retrato de sua ancestral Isabella Pulcinelli. Mas um cidadão nojento chamado Fabien foi atrás delas e após liberar os homens que estavam com ele, tentou violentar Adrienne. No meio de sua fuga pelo seu castelo, ela se deparou novamente com o retrato de Isabella e ao olhar para ele, pedindo por ajuda em seu desespero, viajou no tempo para a Itália de quase três séculos atrás. Ao abrir os olhos, ela não viu mais o seu rosto nem o seu corpo, mas sim o de Isabella. Isso mesmo, ela voltara no tempo e tomara a forma e o lugar de sua antepassada, Isabella Pulcinelli. E justamente no exato momento de sua noite de núpcias com o Duque Alessandro di Montefiore (com direito a plateia e tudo, como era o costume na época).

Adrienne uma vez lera o diário de Isabella, e sabia que a situação ali não era nada agradável.  Sabia que tudo havia terminado em tragédia: Isabella traíra seu marido, Alessandro, resultando na morte dele. Mas ao ver Alessandro, Adrienne se apaixonou por ele de verdade. E decidiu mudar o destino dele... e lutar por uma chance de ser feliz ao lado dele. Mas seria  isso possível???

Pontos que eu gostaria de ressaltar:
  • Isabella era uma devassa, cruel, sem vergonha, mal caráter, de má fama. Adrienne sabia que ela traíra seu marido, Alessandro, resultando na morte dele. Além do mais, Isabella era amante de seus próprios irmãos (SEUS IRMÃOS DE SANGUE!!!! Ecaaa!!!). Ela casara virgem, é verdade, mas isso não a impedira de "brincar" com seus irmãos de outras maneiras. E depois do casamento, ela virou amante DE FATO de seus dois irmãos (De novo: ecaaaaa!!!).
  • Alessandro sabia dos boatos sobre Isabella, o que tornaria a relação deles ainda mais complicada, sobretudo somado ao ódio que existia entre as famílias Pulcinelli e Montefiore. O que significava que Alessandro não confiava nela (o casamento foi arranjado... leia o livro para maiores detalhes).
  • Dos irmãos de Isabella, Piero era o mais ávido em levá-la para a cama. Adrienne teve que usar muito jogo de cintura com ele.
  • Conquistar a confiança de Alessandro (e seu pai) não seria tarefa fácil. Ainda mais devido a má fama de Isabella. Mas Adrienne é absolutamente perfeita para essa missão.
Mesmo o livro ser extenso (sério, a autora se empolgou em alguns momentos e deixou a caneta rolar solta, hehe), os capítulos são pequenos e eles te prendem. Eu jurava que só ia ler um e quando dava por mim, tinha lido quatro, rs.... Apesar de já ter ouvido falar bem desse livro antes, comecei a lê-lo sem muita expectativa, principalmente depois de ver que se tratava de "um histórico dentro de outro histórico" (eu achava que começava nos tempos de hoje, e aííí a mocinha voltava para o passado... me enganei). Mas não é que ele me surpreendeu??? Fiquei com o coração na mão, doida pra saber o que aconteceria em seguida, e em alguns momentos achei que tudo acabaria em tragédia e desgraça, viu?! Tive náuseas em alguns momentos, como por exemplo, todas as vezes que o irmão de Isabella falava abertamente sobre seu direito de levá-la pra cama... ou quando qualquer outro homem tentava o mesmo, à força (pobre Adrienne... presa com a beleza escultural de Isabella, tendo que burlar os homens que se achavam no direito de serem seus amantes, mesmo ela sendo uma mulher casada).

Ganhei esse livro de presente (versão antiga da Nova Cultural), e já entrou pra minha lista de "intocáveis". Guardarei pro resto da vida. Depois da mocinha chata-cabeça-dura que li no último mês para a maratona, Adrienne foi uma bálsamo, uma brisa fresca num calor de 40° no Rio de Janeiro. E Alessandro... nossa, sem comentários. Não falei muito dele aqui, mas acreditem: ele é maravilhoso. Queria um desses na minha vida! Leitura super recomendada!!!!


Capa Original:


http://i800.photobucket.com/albums/yy282/suelenmelzinha/separador1.gif?t=1269744241

7 comentários :

  1. Oie querida , tudo bem?

    Ainda não tive pique pra resenha do livro desse mês, acho que não fiz uma boa escolha hahahaha.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu li esse livro há anos atrás! Na época eu gostei muito.
    Sua resenha está maravilhosa, se não tivesse lido leria depois dela.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Tenho esse livro lá em casa. Parece ser ótimo mesmo.
    E concordo que para um livro de banca ele é longo!
    Quando eu ler, venho aqui para contar minha opinião. Espero que seja boa como a sua!

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Su...

    Vi o seu comentário no blog...não tinha como ser outro nesse mês...neh....o Sandro é realmente uma L O U C U R A...rs.

    bjs.

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro esses clássicos históricos com capa antiga, fiquei super curiosa para ler esse. Deve ser uma leitura intensa e emocionamente.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Sou apaixonada por classicos, sempre fui, e sempre quis ler um romance historico dentro de outro! *-* e agora com essa resenha meu desejo duplicou! Fiquei com mais vontade de ler! *-*

    Obg Beijos!!

    ResponderExcluir
  7. Tenho certeza que vc vai amar!!! :q

    ResponderExcluir

E aí, o que acharam??? Comentem!!! Adoro ler as opiniões de vocês!!!!

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t   :u

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Arquivos Romantic Girl

Postagens Populares

Rolando No Romantic Girl:

Em Breve!!!
 


Suelen Mattos Romantic Girl | Designed by: Shop Like a Woman , TNB | Distributed by Deluxe Templates